pagina inicial
Tartarugas Marinhas
Visite o Tamar
O que fazemos
Onde estamos
Mais informações

Reciclagem de nutrientes

As tartarugas marinhas são bioturbadores, afetando a estrutura e o funcionamento dos habitats de forrageamento, como, por exemplo, recifes de coral, bancos de algas e grama marinha, e fundos de substrato arenoso. Assim, contribuem para a reciclagem de nutrientes, considerando a grande quantidade de resíduos/detritos excretados por milhões delas no mundo inteiro.

A tartaruga de pente, por exemplo, ajuda a manter a biodiversidade nos recifes de corais, pois pode se alimentar seletivamente de alguns grupos de esponjas, permitindo que espécies raras se estabeleçam competindo por espaço e nutrientes com sucesso.

 

Outro exemplo é o da tartaruga verde (Chelonia mydas), que é o mega-herbívoro marinho mais abundante, consumindo toneladas de algas e grama marinha. Através de sua alimentação seletiva sobre a grama marinha, estimula o crescimento de grama jovem, mais nutritiva. Ao longo do tempo, as áreas de pastagem contribuem significativamente na estabilização de sedimentos e reciclagem de nutrientes, o que beneficia tanto as tartarugas quanto a uma grande variedade de macro e micro-herbívoros.

O caso das tartarugas de couro (Dermochelys coriacea) é interessante. Durante anos, os pescadores têm observado um aumento considerável nas populações de águas-vivas no oceano Atlântico. Frequentemente, estas águas-vivas se concentram em regiões específicas em mar aberto, onde se alimentam de alevinos de espécies de peixe comercialmente importantes. A preocupação é que o crescimento exagerado das populações de águas-vivas provoque a redução nos estoques de peixes. 

Um dos principais predadores de águas-vivas é justamente a tartaruga de couro, ironicamente uma das mais ameaçadas de extinção, por causa do alto índice de captura incidental pela pesca. Como a tartaruga de couro desempenha papel fundamental no controle das grandes populações de águas vivas do Atlântico, se o índice de mortalidade dessa espécie pela pesca continuar crescendo, esse desequilíbrio pode condenar tanto as tartarugas como a atividade pesqueira, já que os estoques serão reduzidos drásticamente e o peixe pode até acabar.

 

Importância biológica das tartarugas:
Presa e predador 
Substrato de plantas e animais 
Transferindo energia 
Todas as formas de vida