pagina inicial Petrobras
Tartarugas Marinhas
Visite o Tamar
O que fazemos
Onde estamos
Mais informações

Estágio - Bahia

Oferece formação em conservação de tartarugas marinhas para universitários dos cursos de biologia, oceanografia, medicina veterinária, engenharia de pesca, gestão ambiental e engenharia ambiental.

Principais atividades
Monitoramento das praias; proteção e manejo de desovas e filhotes; marcação e biometria das fêmeas; educação e sensibilização ambiental junto a estudantes, turistas e comunidade; suporte a diversos programas do Projeto; registro de dados e elaboração de relatórios.

Pré-requisitos
- Cursar o ensino superior - no mínimo o quarto período de graduação;
- Disponibilidade por no mínimo 2 meses (entre setembro e março);
- Possuir carteira de habilitação tipo B válida;
- Disposição para acordar cedo, trabalhar e morar em locais remotos, fazer longas caminhadas e/ou andar de bicicleta e de moto;
- Facilidade para trabalhar em equipe;
- Capacidade de interação com moradores locais e de respeito às características culturais da região.
- Disposição para trabalhar fora dos horários convencionais;
- Conhecimento, no mínimo intermediário, dos idiomas inglês e/ou espanhol.
- Noções básicas de informática;

Duração
De 2 a 7 meses (entre setembro e março).

O que oferece
Capacitação para conservação e manejo das tartarugas marinhas; alojamento. As despesas de deslocamento da cidade de origem até Salvador ficam a encargo do selecionado.

Como se inscrever
Período de envio de documentos: de abril a julho.
Cópias dos seguintes documentos:
Currículo, carteira de identidade, carteira de habilitação válida, cartas de recomendação e carta de intenção (escreva livremente sobre quem é você, sua trajetória acadêmica/profissional e por que deseja estar conosco em uma temporada); enviar tudo para o e-mail estagio.bahia@tamar.org.br ou pelos Correios, endereçado a:
Projeto Tamar
Programa de capacitação em conservação de tartarugas marinhas
Caixa Postal 2219 - CEP 41950-970
Rio Vermelho, Salvador – BA

Em outras bases:

150 estudantes por ano

Sergipe 
Pernambuco
Rio Grande do Norte
Ceará
Espírito Santo
Rio de Janeiro
São Paulo

 

Petrobras